domingo, 7 de fevereiro de 2010

Tantra Chinês

1- Dê mais às pessoas do que elas esperam, e faça com alegria.
2- Case-se com quem você goste de conversar. À medida em que vocês forem envelhecendo, o talento para a conversa será muito importante.
3- Não acredite em tudo o que você ouve, não gaste tudo o que você tem, não durma tanto quanto você gostaria.
4- Quando você disser "eu te amo", seja sincero.
5- Quando você disser "sinto muito", olhe nos olhos da pessoa.
6- Fique noivo pelo menos por seis meses antes do casamento.
7- Acredite no amor à primeira vista.
8- Nunca ria dos sonhos dos outros. Quem não tem sonhos, tem muito pouco.
9- Ame profundamente e com paixão. Você pode se ferir, mas e o único meio de viver uma vida completa.
10- Quando se desentender, lute limpo. Por favor, nada de insultos.
11- Não julgue ninguém por seus parentes.
12- Fale devagar mas pense depressa.
13- Quando lhe fizerem uma pergunta que você não quer responder, sorria e pergunte; "Por que você deseja saber?"
14- Lembre que grandes amores e grandes realizações, envolvem grandes riscos.
15- Diga "saúde" quando alguém espirrar.
16- Quando você perder, não perca a lição.
17- Recorde-se dos três "R":
Respeito por si mesmo,
Respeito pelos outros,
Responsabilidade por seus atos.
18- Não deixe uma pequena disputa afetar uma grande amizade.
19- Quando você notar que cometeu um engano, tome providências imediatas para corrigí-lo.
20- Sorria quando atender o telefone. Quem chama vai sentir seu sorriso ao ouvir sua voz.
21- Passe algum tempo sozinho.

4 comentários:

Fatima disse...

Obrigada pela partilha!
Ótima semana para vc.
Bjs.

Carolina disse...

Oi Sarita, lindo tantra.
Bom compartilhar.

bjos meus e boa semana!

Jorge disse...

Sara, lindo Anjo!
Bela mensagem.
Se seguirmos estes conselhos, estaremos criando o paraiso em nós mesmos.

Sara, tenha uma semana repleto de realizações!!
Com todo carinho,
Jorge

Renato Hemesath disse...

oi Sara.
Há fatos que passam desapercebidos, muitas vezes. sorrir ao atender o telefone seria uma delas, uma ação aparentemente simples, mas acredito que ncessária.

Obrigado pela visita ao "Cine Freud". Serás sempre bem vinda à participar.

abraços